Juiz Federal da 3a Turma Recursal do Paraná. Doutor em Direito da Seguridade Social (USP). Coordenador da Pós-Graduação em Direito Previdenciário e Processual Previdenciário da ESMAFE-PR. Presidente de Honra do Instituto Brasileiro de Direito Previdenciário - IBDP. Professor do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ciência Jurídica da UNIVALI.

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Brasil em Números IBGE, 2013, Previdência Social

Será lançada hoje a obra Brasil em Números 2013, de realização do IBGE. Consta na coletânea nossa análise sobre os números da Previdência Social brasileira.

"Após 25 anos de ajustes macroeconômicos ortodoxos, na década passada a questão do crescimento voltou a ser espaço na agenda nacional. Políticas fiscais e monetárias relativamente menos restritivas e o papel dos bancos públicos na elevação do crédito permitiram a elevação da taxa de investimento e o aumento do gasto social. A ampliação da renda das famílias foi peça importante para sustentar a demanda agregada e o mercado interno de consumo de massas. A forte geração de empregos formais e a agressiva política de valorização do salário mínimo ampliaram a renda das famílias contribuindo para impulsionar a economia e a reduzir as desigualdades sociais. A expansão quantitativa e a expressiva valorização real dos benefícios da Previdência e da Assistência Social também contribuíram para a elevação da renda das famílias, atuando como vetores de crescimento e de redistribuição da renda (...)"



"Trazendo a análise de 24 professores-pesquisadores sobre os temas que apresenta, está sendo lançada, hoje, (15/08/2013), com um evento em Salvador (BA), a edição 2013 do livro Brasil em números/Brazil in figures, publicação anual bilíngue do IBGE, ilustrada, neste ano, com imagens de obras de arte do acervo do Museu de Arte Moderna da Bahia – MAM-BA, parceiro do IBGE no trabalho. O livro, de 392 páginas, reúne informações sobre o território nacional, características demográficas e socioeconômicas da população, Contas Nacionais, atividades agropecuárias, industriais, comerciais e de serviços, finanças, comércio exterior, ciência e tecnologia e estatísticas básicas do governo. Inclui dados comparativos do Brasil com outros países e, pela primeira vez, dedica um capítulo ao tema do meio ambiente. 

São, ao todo, 23 temas desenvolvidos a partir das informações mais recentes das estatísticas do IBGE e, em alguns setores, também de fontes externas, a exemplo dos Ministérios de Minas e Energia, Ciência e Tecnologia, Previdência Social, Saúde e Turismo, além da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, Banco Central do Brasil, Tribunal Superior Eleitoral e Agência Nacional de Aviação Civil. Os dados do IBGE são oriundos das seguintes pesquisas: Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios, Pesquisa Industrial Mensal, Sistema Nacional de Índices de Preços ao Consumidor (INPC-IPCA), Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil, Pesquisa Anual de Comércio, Contas Regionais do Brasil e Sistema de Contas Nacionais. O conjunto de dados está distribuído por 87 tabelas e 61 gráficos, mais alguns mapas e um quadro.


O lançamento de Brasil em números/Brazil em figures (volume 21) acontece no Palácio da Aclamação, construção histórica tombada pelo Instituto de Patrimônio Artístico-Cultural da Bahia, no Campo Grande, no centro de Salvador (Av. Sete de Setembro, 1330), a partir das 18h:30. A apresentação do trabalho pelo IBGE será precedida pela exposição de alguns autores da análise crítica dos temas abordados: Prof. Dr. Moacir Tinoco, da Universidade Católica da Bahia, Profa. Dra. Cláudia Sá de Andrade e Prof. Dr. Washington José de Souza Filho, ambos da Universidade Federal da Bahia" (fonte:sala de imprensa do IBGE, 15/08/2013.


Acesse a íntegra do Brasil em Números e nossa análise sobre a Previdência Social clicando aqui


Nenhum comentário:

Postar um comentário